Encontro Internacional Desenho de Rua

Caros ,
No âmbito do DESENHO ARQUTETÒNICO vamos participar no Dia internacional do DESENHO DE RUA que decorrerá esta
6af dia 6 de maio das 9h3 às 18h em Torres Vedras.
Os alunos do 1º ano do Departamento de Arquitetura e Urbanismo vão participar no evento organizado pelo Arq. André Batista da Câmara Municipal de Torres Vedras (antigo aluno ulht) integrados num conjunto de workshops com lideranças internacionais.
Na 6af dia 6 de maio 2016 encontro no autocarro ULHT às 9h3 e chegada prevista às 18h3  (ULHT – Torres Vedras – ULHT)
Unidade Curricular DESENHO ARQUITETONICO Prof. Filipa Antunes
Estendemos o convite a todos os professores e alunos do departamento DAU.
Lugares limitados a 50 participantes

Inscrição gratuita em : arquiteturaeurbanismoeventos@gmail.com

Programa em anexo.

2º Encontro Internacional de Desenho de Rua

Sinopse:

“Desenho porque quero um mundo meu, não dito mas <<mundado>>: uma natureza que natura, uma substância que substancia, um algo-novo, um para-sempre-novo. (…) O desenho que eu desenho, é o mundo.” (Pedro António janeiro, 2013)

Torres Vedras, é hoje, um dos destinos preferenciais para os amantes do desenho de rua (urban sketching), não só a nível a nacional, como a nível internacional. O Encontro Internacional tem privilegiado o intercâmbio de desenhadores (sketchers) portugueses, espanhóis e brasileiros. Para além da promoção do nosso património, pretendemos sobretudo, promover a integração de novos praticantes, através de momentos de partilha, dando a conhecer novas técnicas, novos conceitos, novos mundos, mas sobretudo, mostrando que aqui qualquer pessoa pode desenhar. O desenho não é um “dom”, é paixão e treino.

“A mão treina-se? – Claro. A mão acentua hábitos, memoriza-os e depois sofistica-se…é a mão que selecciona criteriosamente o instrumento que usa para desenhar – o lápis, o pastel, o pincel, a caneta Bic…através do hábito”. (Vítor Neves, arq. 2012)

Este ano, voltámos a convidar desenhadores que se destacam pela forma apaixonada com que vivem o desenho e a forma singular com que registam o seu quotidiano.

Portugal: Helena Monteiro (Lisboa); António Procópio (Mafra); Paulo Brilhante (Açores); Bruno Vieira (Torres Vedras); Pedro Alves (Torres Vedras); André Baptista (Torres Vedras)

Espanha: Celia Burgos (Cádis); Joaquin Gonzalez Dorao (Madrid)

Brasil: Danilo Yamamoto (São Caetano-SP); Márcia Rosenberger (Santo André-SP); Edward W. K. Wandeur (Santo André – SP); José Clewton (Natal); Flávio Ricardo (SP); Lia Rossi (Curitiba)

 

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s